A natureza do meu sistema...

-- Que é que vc tem? tá com uma cara, que foi?
-- Nada...

É dose não poder dizer que tou com vontade de matar um...
Às vezes vida em sociedade cansa, ainda mais nessa onde trabalho, tem de ter etiqueta, pensar antes, ver com quem, uma série de coisas, respondo que não é nada, tá tudo bem...

-- Com essa cara amarrada? que fizeram?

Alguns humanos tem boas intenções, nem sempre desistem, me conhecem. penso que vai ficar pior eu calado e lasco:

--- É eu com essa minha mania de querer mudar as coisas, o mundo, as pessoas, como se alguém mais se importasse também.

Meus colegas riem, uma me abraça e sai dizendo que a piada é boa. Outro chega assim e diz baixo que se lembra sempre do que eu disse quando ele chegou ali: "Não vale a pena se stressar, é assim mesmo, pense em sua qualidade de vida, seja inteligente, aproveite, aprenda o que puder, seja certo o máximo possível e pronto... acredite, isso já vai ser muito em relação aos outros..."

Pô, eu disse isso? fico admirado com a minha frieza-clareza, nem parece o eu ali virado na zorra como tava naquele momento.

Fico pensando porque sou assim. minha natureza

Como é difícil, Deus, aceitar certas coisas...

A política usa as unidades públicas para trabalhar para o sistema e o sistema não trabalha para o cidadão, o sistema trabalha para o sistema...é assim que a coisa funciona, quanto mais cedo você aceita, menos sofre.

Penso e fico MAIS uma vez com a sensação de que já vi este filme. até quando ele vai rodar?

Descubro que meu mau humor é por saber a resposta:

Até eu me levantar e sair desta sessão.
Até eu fazer meu próprio filme e projetar sobre o anterior,
Até eu dormir de cansado.

Só consigo parar de pensar nisso depois que descubro mais uma opção:

Até eu EXPOR o máximo o teatro, publicizar o máximo a representação, aprender ao máximo sobre o processo até achar uma falha no sistema que se possa usar contra ele. acessar e reescreve-lo de uma maneira decente.

Se eu escrevesse sobre o mundo do meu trabalho diriam que é ficção, que eu tenho muuuuuuuita imaginação. realmente tenho. penso cada processo quando passo por essas situações que até fico em dúvida se não é essa a solução mais útil, rir por escrito.

Comentários

luciene disse…
acredite: o sistema no qual o meu trabalho está inserido também, às vezes, parece-me uma ficção, "contando ninguém acredita..."
Volto aquela idéia primeira, qual a medida das coisas, das ações, dos pensamentos...qual o limite da ética, e ética tem limite?
O que você chama de sistema envolve um outro sistema maior, e um sistema de vida, o "capitalismo" e a "democracia" (já dizia Aristóteles, a democracia é a tirania da maioria:)
E se a maioria aceita tudo passivamente é o melhor?
Manter o controle para não melindrar uns ou para não perder o emprego, ou as duas coisas:)
Caríssimo,o duro é que o seu microcosmo é uma parte de um macro que funciona do mesmo modo. Nos dias de hoje, preocupa-se sobretudo com o corpo físico mas pouco com a saúde da alma e da consciência...eu faria um trocadilho da célebre frase de Che Guevara: "amolecer, mas sem perder a indignação jamais":)

Postagens mais visitadas