Fábula moderna

Lembrei que reaprendi a assobiar
o filho da fada falou
enquanto ela dirigia entre as realidades
no meio da ilha

Parado o mundo
verificamos que nada  é mais sincero que a redescoberta de uma criança
entre todos esse bombardeio diário de adultos informes importantes

Ah! Se pudesse voltar

No tempo, no vento, ao momento...
exato desse decolar

Viajar junto sentir de novo na minha pele de menino
o ar encantado do mundo

Um mundo como uma fazenda refeita todo dia
o corpo como o dia nascendo em movimento  
o movimento dos lábio desvestindo o que só mais tarde
entenderia se chamar perdidamente de alegria 

Comentários

Postagens mais visitadas