O dia

O dia não quer que eu declame poemas
vem descendo a ladeira vendendo gás
soltando som dos carros,
as horas, a luz e os insetos

O dia quer que eu faça mais poemas
e o mude de canal

O dia quer fugir

Quer férias em Machu Picchu
Barcelona, Piranhas, Paulo Afonso, Chapada Diamantina
e Havaí

Está cheio de tanta realidade

Vai pegar uma carona

Saltar em qualquer lugar por aí

Na primeira nuvem distraída

sem plantão

Quer turno para tentar viver
enquanto não chega
a grande hora de voltar.

Comentários

Postagens mais visitadas