Postagens

Mostrando postagens de 2018

Pitanga

O único motivo

O rio

Todo peito é mar

O meio do ceu

Asfalto

Sem me dar conta

Lembrete

Se eu trouxe o navio

O presente

Apagou

Cuscuz

Mantra

Coração não tem pigmento

Vibração

O maior amor de minha vida

Torrado

Setembro

Separação

Pra você saber

O barco e o mar

Queria que meus olhos pudessem pintar

Sábado

Poema curtinho

A menina e o frio

A cura

Aos meus olhos

Poema não

Talheres

Apenas o fim

Assim

Deixei

Cocada

O amor e a cura

Passeio

Empurrei as roupas para o lado

Colo

Para ela

Poemanação

Morre um poeta

Diário de um homem de cor

impermanência

Torto

Baixinho

O que é para sempre